Circuito Nova Semente encerra com um show de surf e Praia lotada.

0
Categoria Open no pódio. Foto Cícero Júnior.

Texto e fotos Cícero Júnior.

A primeira etapa do Projeto Nova Semente foi um sucesso! Um final de semana cheio de emoções, com baterias disputadíssimas nas ondas da Praia do Abacate. O mar deu uma reagida no domingo, proporcionando ainda mais um verdadeiro show de surf para o público que compareceu e prestigiou o evento, conferindo os grandes vencedores do campeonato.

Na categoria Sub 12, o grande destaque foi o atleta Pablo Lira que mesmo diante de bons adversários mostrou superioridade na final, surfando com fluidez e finalizando suas manobras com precisão.

Já na categoria SUB 14, o atleta Lucas Tavares mostrou que seu surf está afiado e esbanjou conhecimento no pico, surfando direitas extensas que chegavam até o pico do lajão.

Na categoria SUB 16, o atleta Jurguen Marinho mostrou que a bagagem em viagens de surf trip pesam na hora de surfar quaisquer condições. Um atleta ainda em lapidação, mas que é notória sua habilidade tanto em ondas maiores, como em condições menores, pegando de surpresa muitos atletas que não treinam em dias de ondas pequenas.

Já na categoria Longboard, tivemos um verdadeiro show de estilo dos finalistas, mostrando que o surf clássico está em alta no Rio Grande do Norte e vem crescendo cada vez mais e que temos o privilégio de ter um dos melhores picos do Brasil para esta prática. O grande campeão da categoria Longboard ficou para Marcos Vinícius que, de quebra, levou  para casa seu presente de aniversário pela melhor performance nas ondas do Abacate.

Meninas na água… Como é bom ver o mar florido com este público que cresce aceleradamente! O público feminino vem ganhando notoriedade e já são bem maiores os números de inscritas em eventos pelo Brasil. Quem representou muito bem essa categoria foi a atleta Yorrana Borges, executando manobras mais modernas e mostrando um estilo diferenciado.

Os trabalhadores também surfam!! Em forma de retribuir todo esforço e dedicação à comissão, O diretor de prova Marcelo, decidiu fazer a bateria do STAFF que se tornou uma final disputadíssima e acirrada. Esta foi realizada mais como brincadeira e zoação com os companheiros de equipe do que, propriamente, “briga” pela taça. Pura diversão e descontração da comissão que entrou também no clima de competição. E o grande campeão da categoria foi o atleta Bruno Max que mostrou seus treinos em dias nas direitas das ondas do Abacate.

E, finalmente a cereja do bolo, o título mais cobiçado do evento, a categoria Open que todos sabem que o show de surf é certo e que não tem moleza para ninguém. O grande campeão foi o atleta Raul Tavares que mostrou fluidez e superioridade nas manobras. Raul estava afastado das competições e mostrou que sua essência não se foi com o período em que passou fora d’água.

Parabéns a todos os patrocinadores, a organização técnica e aqueles que, direta ou indiretamente, fizeram deste humilde evento, um grande espetáculo dentro e fora da água. Que venham os próximos, pois Pipa tem um potencial imensurável e um dos melhores picos do Nordeste.

Categoria SUB 12

1  Pablo Lira

2  Victor Santos

3 Adrian Felipe

4  Max Marinho

SUB 14

1  Lucas Tavares

2  Rafael Barbosa

3  Lio Mouret

4  João Fernando

SUB 16

1  Jurguen Marinho

2  João Fernando

3  Túlio

4  Lucas Tavares

LONGBOARD

1  Marcos Vinicius

2  Carlão

3  Gabriel

4  Gilmark Barbosa

FEMININO

1  Yorrana Borges

2  Sami Gyori

3  Manú Brasil

4  Luana Pini

STAFF

1 Bruno Max

2  Marcelo

3  Oscar

EXPRESSION SESSION

João Fernando

Texto e fotos Cícero Júnior.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here